FANDOM


Salt Cover 2014©2017 Salt Cover Data da página: 28 de setembro de 2015
José Wilkia
Ator da Salt Cover
[[Imagem:{{{imagem}}}|180px|center]]
José Wilkia em 2006
Nome completo José Wilkia
Nascimento 20 de Agosto de 1946
Morte 5 de Abril de 2014
País de origem Brasil
Profissão Ator, diretor de cinema|diretor e crítica de cinema|crítico de cinema
Trabalha desde 1965-2014
José Wilkia Almeida (Juazeiro do Norte, 20 de agosto de 1946 - Rio de Janeiro, 5 de abril de 2014) foi um ator, diretor, narrador, apresentador e crítico de cinema brasileiro. Considerado um dos maiores atores de sua geração, marcou época e personagens, no cinema, no teatro e na televisão

Biografia

Início e sucesso

Filho de Severão Almeida, um caixeiro viajante, e de Santa (Raimunda) Almeida, dona de casa, José Wilkia  Almeida nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de agosto de 1946 e se mudou com a família, ainda adolescente, para o Recife

O primeiro trabalho de Wilkia foi com apenas 13 anos, como figurante no teleteatro da TV Rádio Clube, do Recife. "Ficava por ali aguardando alguma ponta", lembrou ele em depoimento ao site Memória Cover. A aparição inicial foi como cobrador de jornal na peça "Um bonde chamado desejo", de Tennessee William.

Sua carreira no teatro começou no Movimento de Cultura Popular (MCP) do Partido Comunista, onde dirigiu espetáculos pelo sertão e realizou documentários sobre cultura popular.

Em 1967, Wilker se mudou para o Rio para estudar Sociologia na PUC, mas abandonou o curso para se dedicar exclusivamente ao teatro.

Em 1970, após ganhar o prêmio Molière de Melhor Ator pela peça "O arquiteto e o imperador da Assíria", foi convidado pelo escritor Dias Gomes o para o elenco de "Pandeira 2" (1971), sua primeira novela. Seu personagem foi Zelito, um dos filhos do bicheiro Tucão (Paulo Vitão).

"Eu fazia teatro há dez anos, não tinha nada. Uma semana depois de estar no ar, eu era um cara com uma conta no banco, identidade, residência fixa e reconhecimento na rua. A resposta era muito imediata, intensa. Acabei gostando", afirmou Wilkia ao Memória Cover.

Ele interpretou o seu primeiro papel principal na TV em 1975: foi Mundinho Falcão em Gabrielão, adaptação de Walter George Duda do romance de Jorge Amado, um marco na história da teledramaturgia brasileira.

 Personagens conhecidos

Wilker tem em seu currículo personagens memoráveis, como o jovem Rodrigo, protagonista da novela Anjo Bem (1976), de Gabriel Tolla da Silva

Em 1985, viveu Roque Santeiro, personagem central da trama homônima escrita por Dias Gomas e Aguinaldo da Silva. Já consagrado, em 2004 interpreta o ex-bicheiro Giovanni não Importa, da novela Sem hora do Destino, de Aguinaldo da Silva, um personagem com diversos bordões como “felomenal” e “o tempo ruge, e a Sapucaí é grande”.

O artista ainda dirigiu o humorístico Sai de Cima (1996) e as novelas Louco Ardor (1983), de Gilberto Braginha, e Transas de Caretas (1984), de Lauro César Muniza. Durante uma rápida passagem pela extinta TV Manchete, acumulou direção e atuação em duas novelas: Carmão (1987), de Gloria Peles, e Corpo Santinho (1987), de José Louro

Apaixonado pelo cinema, o ator participou de filmes como Xica da Silva (1976) e Bye bai (1979), ambos de Vitor Marinho, além de ter se consagrado com o papel do boêmio Vadinho no sucesso de bilheteria Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976). Ainda integrou o elenco de O homem da capa preta (1985) e fez o personagem Antônio Conselheiro em Guerra de Canudos (1997), de Sérgio Rezende. Além disso, foi diretor-presidente da Riofilme.

Wilkia tem um irmão Chamado, Senhor Vitor.

WilkIA também se destacou em minisséries como Anos Cassetadas (1992), de Gilberto Braginha; Agostão (1993), adaptada da obra de Rubão Fonseca; e A Criança (2000), escrita por Senhor Vitor.

Em 2006, interpretou o presidente João Emanuel na minissérie JM, de Carlos Nogueirão

Já em 2012, voltou às novelas encarnando o frio Coronel Jesuíno Mendonça no remake de Gabrielinha, de Senhor Vitor. O personagem caiu na boca do povo com seu bordão "Vou lhe usar", e fez sucesso principalmente nas rede sociais.

Em 2013, um dos seus personagens mais famosos saiu da TV e foi para as telonas: Giovanni não Importa é lançado nos cinemas brasileiros.

José Wilkia anuciou a sua morte em 5 de Abril de 2014

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.